Absurdo

Sem provas, ativistas sociais negros são presos em São Paulo

CSP-Conlutas lançou campanha exigindo a liberdade de Igo Ngo e Felipe


Igo Ngo e Felipe
Igo Ngo e Felipe

O ano de 2021 começa com mais um caso de injustiça policial e racismo contra jovens negros de São Paulo. João Igo Santos e seu vizinho Felipe Patrício Lino Ferreira foram presos na noite do dia 2, acusados de realizarem dois roubos na zona oeste da capital. No entanto, a “testemunha” que os teria reconhecido, um motorista de aplicativo, sequer viu o crime ocorrer. 

Já as duas vítimas dos assaltos, um homem e uma mulher, não foram capazes de confirmar que os amigos eram de fato os autores do crime. O homem não os reconheceu e a mulher apenas disse ter reconhecido a roupa que um dos jovens vestia. 

Uma das vítimas encontrou o motorista por aplicativo após o ocorrido e pediu ajuda. Ela descreveu como seriam os homens que a roubaram e, segundo afirmou o motorista na delegacia, seguiram os dois suspeitos até um terminal de ônibus e acionaram a polícia.

Mesmo com a falta de provas, a promotora Vanessa Therezinha Sousa de Almeida, do Ministério Público de São Paulo, solicitou a prisão que foi acatada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.

Um dos acusados, conhecido como Igo Ngo, é rapper, percussionista, produtor musical e cineasta na empresa 2as Marias Produções. Como ativista do Movimento Luta Popular, da CSP-Conlutas, atua na luta contra o racismo, por moradia e por direitos dos povos indígenas. 

Já Felipe é professor de artes marciais e ativista social/cultural, tendo participado do último Congresso Nacional da CSP-Conlutas. É apoiador do Luta Popular nas diversas iniciativas realizadas pelo movimento nas comunidades. 

Imagens provam inocência
A advogada Irene Guimarães, que atua na defesa de Igo e Felipe, colheu imagens de sistemas de segurança que mostram os amigos longe do local do crime no horário informado pelas vítimas. Tampouco carregavam os pertences roubados das vítimas (bolsa, celular, relógio, entre outros). 

Um pedido de habeas corpus já foi encaminhado à Justiça. Tanto Igo quanto Felipe possuem todos os requisitos para responderem em liberdade, como atividade profissional lícita e endereço fixo. 

Campanha
A arbitrariedade das prisões levou a CSP-Conlutas iniciar uma campanha pela liberdade imediata de Igo Ngo e Felipe. Diversos movimentos sociais e entidades de classe, entre eles o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, assinam o manifesto que exige justiça e o fim do racismo.

“A situação vivida por Igo Ngo e Felipe demonstra o quanto o racismo está engendrado em nossa sociedade, especialmente no sistema prisional. É preciso dizer não a essa injustiça e exigir: liberdade para Igo e Felipe, já. O Sindicato estará nesta luta até o fim”, afirma o diretor do Sindicato Valmir Mariano.


OMS dá recado duro a Bolsonaro sobre pandemia: “Brasil precisa levar isso a sério”
Crise do coronavírusus

OMS dá recado duro a Bolsonaro sobre pandemia: “Brasil precisa levar isso a sério”

Diretor da organização disse que, se não houver medidas de isolamento, país não conseguirá diminuir casos

Com Estado de SP na fase vermelha, Sindicato volta a fechar sede e subsedes
Coronavírus

Com Estado de SP na fase vermelha, Sindicato volta a fechar sede e subsedes

Medida visa preservar a saúde de metalúrgicos e funcionários da entidade

Metalúrgicos da General Motors aprovam layoff com estabilidade no emprego
Em assembleia

Metalúrgicos da General Motors aprovam layoff com estabilidade no emprego

Medida atingirá 600 trabalhadores de todo o complexo da GM na cidade

Em assembleia, metalúrgicos da Ericsson elegem delegado sindical
Organização de base

Em assembleia, metalúrgicos da Ericsson elegem delegado sindical

Para suplente foi escolhido o metalúrgico Jairo Venâncio

Metalúrgicos da MS Ambrógio aprovam acordo de PLR
Participação nos Lucros

Metalúrgicos da MS Ambrógio aprovam acordo de PLR

O acordo foi aprovado nesta quinta-feira (4) em votação por cédula

Pela vida, é hora de parar tudo e exigir vacina, já!
Coronavírus

Pela vida, é hora de parar tudo e exigir vacina, já!

Diante do agravamento da crise do coronavírus no país, é hora de pararmos tudo e exigirmos vacina para todos, já! Por...

Metalúrgicos da Ericsson conquistam PLR 10% maior
Participação nos Lucros

Metalúrgicos da Ericsson conquistam PLR 10% maior

Trabalhadores cão receber R$ 7.700 em uma única parcela

Por falta de peças, GM anuncia layoff em São José dos Campos
Empregos

Por falta de peças, GM anuncia layoff em São José dos Campos

Sindicato apresentará proposta aos trabalhadores nesta terça-feira (2)

Jurídico do Sindicato garante reintegração de trabalhador da Parker Hannifin
Ação judicial

Jurídico do Sindicato garante reintegração de trabalhador da Parker Hannifin

Sandro Yoshio Ueno foi demitido irregularmente, em dezembro de 2019

Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3946-5333