Vitória

TRT determina reintegração de cipeiro na Embraer

O trabalhador tem o direito à estabilidade garantido por lei

| Atualizado em

O cipeiro Geraldo ao lado de diretores do Sindicat
O cipeiro Geraldo ao lado de diretores do Sindicat - Foto: Roosevelt Cássio

Em mais uma vitória da categoria, o cipeiro Geraldo de Jesus Santos foi reintegrado à Embraer, nesta sexta-feira (18). A determinação foi dada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região. Geraldo havia sido demitido junto com outros 2.500 trabalhadores, em setembro, apesar de ter estabilidade garantida por lei.

A demissão foi questionada pelo Sindicato, em uma ação judicial pedindo a reintegração do trabalhador. A juíza que assina a decisão favorável ao metalúrgico considerou que a Embraer agiu de forma abusiva e ilegítima ao demitir um membro da Cipa.

Está na Constituição: “é vedada a dispensa arbitrária ou sem justa causa do empregado eleito para o cargo de Cipa, desde o registro de sua candidatura até um ano após o final do seu mandato”.

Geraldo Santos estava no período de carência de Cipa e já foi diretor do Sindicato por três gestões, mantendo sempre sua postura em defesa dos trabalhadores.  

“A Embraer agiu de má-fé ao desrespeitar a legislação e o direito de estabilidade de um cipeiro. Ao conquistarmos mais essa reintegração, mostramos que não aceitamos a imposição da empresa e que a luta em defesa dos direitos vem em primeiro lugar”, afirma o diretor do Sindicato Herbert Claros.


OMS dá recado duro a Bolsonaro sobre pandemia: “Brasil precisa levar isso a sério”
Crise do coronavírusus

OMS dá recado duro a Bolsonaro sobre pandemia: “Brasil precisa levar isso a sério”

Diretor da organização disse que, se não houver medidas de isolamento, país não conseguirá diminuir casos

Com Estado de SP na fase vermelha, Sindicato volta a fechar sede e subsedes
Coronavírus

Com Estado de SP na fase vermelha, Sindicato volta a fechar sede e subsedes

Medida visa preservar a saúde de metalúrgicos e funcionários da entidade

Metalúrgicos da General Motors aprovam layoff com estabilidade no emprego
Em assembleia

Metalúrgicos da General Motors aprovam layoff com estabilidade no emprego

Medida atingirá 600 trabalhadores de todo o complexo da GM na cidade

Em assembleia, metalúrgicos da Ericsson elegem delegado sindical
Organização de base

Em assembleia, metalúrgicos da Ericsson elegem delegado sindical

Para suplente foi escolhido o metalúrgico Jairo Venâncio

Metalúrgicos da MS Ambrógio aprovam acordo de PLR
Participação nos Lucros

Metalúrgicos da MS Ambrógio aprovam acordo de PLR

O acordo foi aprovado nesta quinta-feira (4) em votação por cédula

Pela vida, é hora de parar tudo e exigir vacina, já!
Coronavírus

Pela vida, é hora de parar tudo e exigir vacina, já!

Diante do agravamento da crise do coronavírus no país, é hora de pararmos tudo e exigirmos vacina para todos, já! Por...

Metalúrgicos da Ericsson conquistam PLR 10% maior
Participação nos Lucros

Metalúrgicos da Ericsson conquistam PLR 10% maior

Trabalhadores cão receber R$ 7.700 em uma única parcela

Por falta de peças, GM anuncia layoff em São José dos Campos
Empregos

Por falta de peças, GM anuncia layoff em São José dos Campos

Sindicato apresentará proposta aos trabalhadores nesta terça-feira (2)

Jurídico do Sindicato garante reintegração de trabalhador da Parker Hannifin
Ação judicial

Jurídico do Sindicato garante reintegração de trabalhador da Parker Hannifin

Sandro Yoshio Ueno foi demitido irregularmente, em dezembro de 2019

Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3946-5333