Repressão

Deputados bolsonaristas querem enquadrar manifestantes na lei antiterrorismo

| Atualizado em

Torcedores de clubes de futebol em ato domingo
Torcedores de clubes de futebol em ato domingo - Foto: Oam Santos/Fotos Públicas

Os deputados bolsonaristas Daniel Silveira e Hélio Negão, ambos do PSL, querem que os grupos de manifestantes antifascistas sejam incluídos na lei antiterrorismo. Na segunda-feira (1), os parlamentares protocolaram dois projetos de lei (PL) com a clara intenção de criminalizar quem protesta contra o presidente Jair Bolsonaro.

A iniciativa dos deputados ocorre após o primeiro grande protesto em oposição ao governo realizado em meses de pandemia. Grupos de torcedores de futebol antifascistas e manifestantes pró-democracia se reuniram na Avenida Paulista, no domingo (30). O ato sofreu grave repressão por parte da Polícia Militar. 

No PL 3010, Hélio Negão, uma das figuras mais próximas de Bolsonaro, justifica a descabida comparação de antifascistas a terroristas afirmando que o grupo “pode vir a provocar terror social ou generalizado, expondo a perigo pessoa, patrimônio, a paz pública ou a incolumidade pública”. No mesmo texto, o deputado refere-se ao presidente como “irmão”.

Já Daniel Silveira, conhecido por quebrar a placa da Rua Marielle Franco, no Rio de janeiro, em 2018, apresentou o PL 3019. Em sua argumentação, Silveira tem a cara de pau de utilizar os riscos da covid-19 para tentar impedir novos protestos contra Bolsonaro.

No entanto, o que o parlamentar não conta é que tem apoiado e participado constantemente de atos golpistas e a favor de Bolsonaro durante a crise do coronavírus. Ambos os projetos de lei agora seguirão para análise nas chamadas “comissões de mérito”, na Câmara dos Deputados.

Imitando Trump
Nas redes sociais, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que irá enquadrar os antifascistas na lei antiterrorismo do país. Assim como Bolsonaro, Trump foi alvo de inúmeros protestos no domingo, chegando inclusive a se refugiar no porão da Casa Branca.

Poucos minutos após a publicação de Trump, Bolsonaro compartilhou o discurso do aliado em sua conta pessoal. Mais uma prova da subserviência do governo brasileiro aos EUA.

“Dia após dia, o que vemos por parte do bolsonarismo é o desejo da volta de uma ditadura nesse país. Por isso, é preciso dar um basta. Lutar não é crime e será na luta que derrubaremos Bolsonaro e todos os seus asseclas”, afirma o diretor do Sindicato Célio Dias da Silva.


Em dia de novo protesto, demitidos da Embraer cobram Felicio fora do Paço Municipal
Luta pelo emprego

Em dia de novo protesto, demitidos da Embraer cobram Felicio fora do Paço Municipal

Trabalhadores e dirigente do Sindicato encontraram prefeito em praça da cidade

Metalúrgicos rejeitam proposta da Ericsson e aprovam aviso de greve
Campanha Salarial 2020

Metalúrgicos rejeitam proposta da Ericsson e aprovam aviso de greve

Sindicato e Ericsson deverão realizar uma nova rodada de negociação na próxima terça-feira (29)

Greve dos trabalhadores da MWL continua por preservação de empregos e direitos
Mobilização

Greve dos trabalhadores da MWL continua por preservação de empregos e direitos

Com dívida estimada em R$ 11 milhões, empresa pode ser despejada a partir do dia 10 de outubro

Sindicato mantém mobilização para cancelar demissões na JC Hitachi
Reintegração, já!

Sindicato mantém mobilização para cancelar demissões na JC Hitachi

Empresa dispensou 48 trabalhadores, no dia 17, sem negociação

Trabalhadores fazem nova manifestação contra fechamento da MWL
Em defesa dos empregos

Trabalhadores fazem nova manifestação contra fechamento da MWL

Empresa, Sindicato, prefeito e vereadores reúnem-se hoje, às 16h

Químicos da TI Brasil entram em greve por ampliação de benefícios
Apoio à luta

Químicos da TI Brasil entram em greve por ampliação de benefícios

Sindicato da categoria está em negociação com a empresa

Metalúrgicos da Gerdau têm de se mobilizar contra zero de reajuste
Campanha Salarial

Metalúrgicos da Gerdau têm de se mobilizar contra zero de reajuste

Somente a inflação do período é de 2,94%

Trabalhador da Embraer aprova calendário de mobilizações contra demissões
Em defesa dos empregos

Trabalhador da Embraer aprova calendário de mobilizações contra demissões

O primeiro ato será a participação na Marcha em defesa dos empregos na MWL, que irá ocorrer na quinta (24), às 8h, em...

TRT propõe cancelamento de demissões e abertura de layoff na Embraer
Audiência virtual

TRT propõe cancelamento de demissões e abertura de layoff na Embraer

Justiça deu prazo de uma semana para a empresa avaliar proposta ou apresentar uma alternativa de conciliação

Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3946-5333