Desmonte da Previdência

Caos no INSS obriga trabalhadores a procurar Justiça por benefício

Processos sobre aposentadoria por tempo de contribuição estão no topo da lista


A demora na liberação de benefícios pelo INSS está gerando uma enxurrada de ações movidas por trabalhadores na Justiça Federal. Em um ano, a distribuição de mandados de segurança relacionados a benefícios previdenciários em São Paulo e Mato Grosso do Sul cresceu 284%.

A distribuição nesses estados é feita pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região. Entre os anos de 2018 e 2019, os mandados sobre este assunto passaram de 4.382 para 16.805. Esse tipo de decisão judicial tem de ser cumprido imediatamente após sua expedição. Os dados foram publicados pelo Jornal Agora São Paulo.

No topo da lista de mandados expedidos estão os processos sobre aposentadoria por tempo de contribuição, que tiveram um aumento de 451% em um ano.

Fila de espera
Hoje existem mais de 3 milhões de pedidos de benefícios previdenciários a serem analisados no país. Esse acúmulo é resultado do desmonte que o INSS vem sofrendo desde governos anteriores e tratado com irresponsabilidade pelo presidente Bolsonaro.

Sem planos de abrir concurso público, Bolsonaro recorreu a remendos. Ele pretende contratar 7 mil militares, sem experiência, para atuarem provisoriamente na liberação de benefícios.  A medida já está sendo questionada pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

Desde 2014, o governo federal não abre concursos para o INSS – o que levou ao esvaziamento gradativo do quadro de servidores e, consequentemente, à lentidão dos serviços previdenciários.

Por isso mesmo, trabalhadores viram-se obrigados a recorrer à Justiça para conseguir a liberação de benefícios. Confira os dados:

Arte: Jornal Agora São Paulo / Fonte: TRF-3ª Região

Protesto dos aposentados
No Dia Nacional dos Aposentados, nesta sexta-feira (24), haverá um protesto em frente ao INSS, em São José dos Campos, às 10h. Todos estão convidados a engrossar essa luta em defesa dos direitos dos aposentados e dos trabalhadores da ativa. O INSS fica na Av. João Guilhermino, 84, Centro.


Senado prorroga por mais 60 dias a MP do Contrato Verde e Amarelo
MP 905

Senado prorroga por mais 60 dias a MP do Contrato Verde e Amarelo

MP precariza ainda mais as relações de trabalho no Brasil

Preconceituoso, Guedes diz que, com dólar baixo, até empregada ia a Disney
Cala a boca, ministro!

Preconceituoso, Guedes diz que, com dólar baixo, até empregada ia a Disney

O ministro também já havia ofendido os servidores públicos

Sindicato dos Petroleiros fará venda de botijões a preço reduzido nesta quinta-feira
Mobilização

Sindicato dos Petroleiros fará venda de botijões a preço reduzido nesta quinta-feira

Ação é para alertar a população sobre a atual política de preços praticada pelo governo

Luto

Morre Benedito Domingos, ex-diretor do Sindicato e da Admap

O velório está sendo na Urbam e o enterro será no cemitério de Santana

Camisetas do bloco Acorda Peão já estão à venda. Garanta a sua!
Carnaval 2020

Camisetas do bloco Acorda Peão já estão à venda. Garanta a sua!

O valor do adereço é R$10 e pode ser comprado na sede ou subsedes do Sindicato

Passeata de moradores da ocupação Coração Valente é adiada para sexta-feira
Por moradia

Passeata de moradores da ocupação Coração Valente é adiada para sexta-feira

Concentração será no Pátio dos Trilhos e segue até a Prefeitura

Morte de miliciano ligado à família Bolsonaro levanta suspeita sobre queima de arquivo
Crime premeditado

Morte de miliciano ligado à família Bolsonaro levanta suspeita sobre queima de arquivo

Adriano era investigado por participar do esquema de corrupção no gabinete de Flavio Bolsonaro

Sindicato garante reintegração de trabalhador da Holld Meyer
zona sul

Sindicato garante reintegração de trabalhador da Holld Meyer

Flávio começou a trabalhar na empresa em 2010 e se lesionou enquanto exercia a função de lavador de peça

Greve na Elgin é suspensa e luta em defesa do emprego continua
Não às demissões

Greve na Elgin é suspensa e luta em defesa do emprego continua

Paralisação dos trabalhadores levou a empresa a ampliar os benefícios para os demitidos

Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3946-5333