Miserê

Reajustado abaixo da inflação, salário mínimo fica ainda mais achatado em 2020

Aumento de 4,1% ficou abaixo da inflação calculada em 4,48%


Desvalorização afeta a camada mais pobre da popula
Desvalorização afeta a camada mais pobre da popula

O salário mínimo, que já é insuficiente para o sustento de uma família, vai valer ainda menos em 2020. Isso porque o reajuste aplicado pelo governo Bolsonaro ficou abaixo das perdas geradas pela inflação. Na prática, este é um novo golpe contra a parcela mais carente da população, que teve seu poder de compra reduzido.

O salário mínimo foi reajustado em 4,1%, passando de R$ 998 para R$ 1039. No entanto, a inflação acumulada de 2019 chegou a 4,48%. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta sexta-feira (10). Como foi definido por meio de Medida Provisória, o reajuste ainda será votado pelo Congresso Nacional. 

Pior para os mais pobres
Como o salário mínimo é usado como referência para outros benefícios, como abono salarial, seguro-desemprego e BPC (Benefício por Prestação Continuada), estima-se que 49 milhões de pessoas sejam afetadas pela desvalorização. 

Se fosse corrigido pela inflação, o salário mínimo seria de R$ 1042,70. Esse valor é ainda muito inferior ao piso ideal calculado pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). Segundo o órgão, o benefício deveria ser de R$ 4.342 para satisfazer as necessidades básicas garantidas pela Constituição (alimentação, transporte, lazer, educação, moradia, saúde, vestuário, higiene e Previdência Social.)

“O reajuste determinado pelo governo Bolsonaro é uma vergonha. Em um país já castigado pela crise e desemprego, a desvalorização do salário mínimo é cruel. Só quem ganha com isso são os patrões”, afirma o diretor do Sindicato Danielson Porfírio.


Assassinato de homem negro por policial branco incendia os EUA
Vidas negras importam

Assassinato de homem negro por policial branco incendia os EUA

O covarde assassinato de um cidadão negro por um policial branco nos Estados Unidos voltou a fazer do país um...

Com contágio e suspeitas de covid-19, Sindicato fecha sede por tempo indeterminado
Pandemia

Com contágio e suspeitas de covid-19, Sindicato fecha sede por tempo indeterminado

Desde março, entidade vem tomando medidas preventivas

Trabalhadores aprovam proposta da Forming
Crise do coronavírus

Trabalhadores aprovam proposta da Forming

Acordo suspende contratos de trabalho e reduz jornada e salários em 50%

Mesmo na pandemia, Boeing anuncia a demissão de 13 mil trabalhadores
Crise

Mesmo na pandemia, Boeing anuncia a demissão de 13 mil trabalhadores

Dispensas ocorrerão nas fábricas dos EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia

Ato pela reestatização da Embraer faz chamado à luta unitária
Campanha

Ato pela reestatização da Embraer faz chamado à luta unitária

O lançamento da campanha “Uma Embraer para os brasileiros. Reestatização, já”, nessa quarta-feira (27)...

Trabalhadores votam proposta da Forming nesta sexta-feira em assembleia virtual
Crise do coronavírus

Trabalhadores votam proposta da Forming nesta sexta-feira em assembleia virtual

Medida apresentada pela empresa prevê suspensão de contratos e redução de jornada e salários em 50%

Campanha dos petroleiros é interrompida por ameaças de bolsonaristas
Intolerância

Campanha dos petroleiros é interrompida por ameaças de bolsonaristas

O Sindicato dos Petroleiros de São José dos Campos e Região (Sindipetro-SJC) foi alvo de um ataque contra a liberdade...

Com 11 casos de suspeita de covid-19 na Embraer, exigimos teste e afastamento de todos os trabalhadores
Pandemia

Com 11 casos de suspeita de covid-19 na Embraer, exigimos teste e afastamento de todos os trabalhadores

O isolamento social é, segundo especialistas, a única forma eficaz de se combater a propagação da covid-19

Campanha pela reestatização da Embraer será lançada nesta quarta-feira em ato virtual
Nas redes sociais

Campanha pela reestatização da Embraer será lançada nesta quarta-feira em ato virtual

Metalúrgicos, trabalhadores de outras categorias e população em geral estão convidados para acompanhar

Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3946-5333