Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Autoritarismo 01/06/2012 | 15:00

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

GM suspende dirigentes que protestaram contra falta de mão de obra

Três diretores sindicais e um cipeiro foram punidos e só voltam à fábrica na segunda-feira

Numa postura de total desrespeito à organização sindical, a GM suspendeu três diretores do Sindicato e um cipeiro por dois dias. A suspensão aconteceu depois que eles pararam a linha final do MVA, em protesto contra a falta de mão de obra e o risco de acidentes.

A montadora suspendeu os diretores Jésu Donizeti, Célio Dias da Silva e Adilson Carlos do Prado, o Turquinho, e o vice-presidente da Cipa, Anderson. Eles foram suspensos na quinta-feira, dia 31, e só voltam à fábrica na segunda-feira, dia 4.

A parada na produção aconteceu durante cinco minutos, no segundo turno da produção do Corsa.

“Não dava pra deixar a linha naquele ritmo absurdo. Os trabalhadores estão produzindo muito mais do que deveriam. Não é à toa que aumentaram os acidentes na fábrica. Já passou da hora de a GM parar de demitir funcionários. Agora é hora de contratação”, afirma o diretor Célio Dias da Silva.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®