Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Organização de Base 30/01/2012 | 14:28

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Conselheiros preparam primeiras lutas de 2012

Conselho de Representantes define atividades por região

Os metalúrgicos estão se preparando para enfrentar os desafios deste ano e os ataques patronais que já estão em andamento. Na primeira reunião do Conselho de Representantes de 2012, foram definidas atividades em cada região. Em todas elas, a ordem é: lutar e resistir!

Durante a reunião, os conselheiros dividiram-se em grupos para discutir a situação das fábricas. Em todas as regiões foram detectados ataques contra os trabalhadores e definido plano de ação.

Na zona sul, há diversas empresas com atrasos nos pagamento ou benefícios, como Produmec, Swissbras e Plande. Na Produmec, a situação é a mais grave. Os trabalhadores não receberam salário de dezembro, a segunda parcela do 13º nem o vale de janeiro. O FGTS e INSS não são depositados há sete meses. Também há atraso nos depósitos de FGTS na Plande, Swissbras e Delbras.

Na GM, os trabalhadores estão vivendo momentos de apreensão. A montadora está demitindo trabalhadores com maiores salários para contratar outros funcionários com salários inferiores. Nem mesmo trabalhadores lesionados com estabilidade estão sendo respeitados. Na reunião do Conselho de Representantes, ficou definida a realização de uma assembleia em que os trabalhadores exigiram a suspensão imediata das demissões.

Jacareí
Para Jacareí foi criado um comando de ativistas específico da região que vai se reunir durante a semana para discutir os problemas de cada fábrica. Estão convocados cipeiros, delegados sindicais, diretores, ativistas e trabalhadores lesionados.
O Conselho também definiu que vai lutar pela estatização da Sadefem, fábrica que vem constantemente desrespeitando os direitos dos trabalhadores e que teve parte de suas ações vendidas para um grupo italiano.

Zona Leste
Os trabalhadores de fábricas da zona leste irão se manter na luta para atacar problemas que vêm se repetindo, como falta de segurança, áreas insalubres, não emissão de CATs e convênios médicos, bem como também vão se mobilizar pelo Plano de Cargos e Salários. Na Hitachi, a empresa vem realizando demissões sem qualquer justificativa. Além disso, há graves casos de condições insalubres de trabalho em vários setores. Na TI, a empresa vem se recusando a aceitar atestados médicos apresentados pelos trabalhadores.

Embraer
Os trabalhadores da Embraer vão intensificar a campanha contra o Lean e Kaizen, programas responsáveis por demissões e aumento do número de lesionados. A luta por uma PLR maior também foi definida como uma das principais metas este ano.

Solidariedade ao Pinheirinho
Ao final da reunião do Conselho de Representantes, o advogado dos moradores do Pinheirinho, Antonio Donizete Ferreira, o Toninho, fez um breve relato sobre a situação das famílias expulsas da Ocupação e chamou a solidariedade.

“Há um movimento nacional e internacional em solidariedade aos moradores do Pinheirinho. Temos recebido um grande apoio de toda a classe trabalhadora, em especial dos metalúrgicos. Apesar de ordem criminosa do prefeito Eduardo Cury que jogou na rua milhares de pessoas, a luta por moradia e pela desapropriação do terreno do Pinheirinho continua”, afirma.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2018 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®