Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Ataque 21/12/2011 | 14:38

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Governo Dilma veta reajuste real a aposentados

Benefícios de cerca de 9 milhões de aposentados que ganham acima de um salário mínimo serão corrigidos apenas pela inflação

E, mais uma vez, os aposentados são prejudicados pelo governo. Nesta terça-feira, dia 20, o ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, confirmou que o governo federal manterá a posição de não conceder aumento real em 2012 para os aposentados que ganham acima do salário mínimo. Ou seja, o reajuste será apenas de reposição da inflação do período.

O anúncio confirma as previsões de arrocho, embora houvesse a expectativa por parte dos aposentados de que o governo pudesse elevar sua proposta antes da votação do orçamento do ano que vem no Congresso Nacional.

Depois do anúncio, o ministro ainda teve coragem de dizer que “ser governo é isso. Ter coragem de dizer não até com dor no coração”. Fala sério! A afirmação vai ao encontro da posição da presidente Dilma que também disse que “o momento não é de conceder aumento para ninguém”. Ela só não fala do aumento de 62% que foi dado ao seu próprio salário no início desse ano.

Segundo Carvalho, o governo tem de manter a responsabilidade frente à crise financeira internacional. Em outras palavras, precisa ter uma reserva financeira para salvar empresários e patrões, ao invés de dar o que é devido para trabalhadores e aposentados.

Para quem ganha acima do mínimo, o governo vem propondo um reajuste de cerca de 6,3%, relativo à estimativa de variação do INPC neste ano. Entretanto, a proposta está bem aquém do que pedem os aposentados, que querem o INPC mais 80% do PIB do ano passado - o que resultaria em um reajuste de cerca de 12%. Cerca de 9 milhões de aposentados ganham mais do que um salário mínimo, no Brasil.

A proposta no Orçamento para os aposentados que ganham um salário mínimo, o reajuste será de 14,26% em 2012, e o valor passará de R$ 545 para R$ 622,73.

"Infelizmente este é só mais um ataque. A cada ano, o aposentado tem mais perdas. Esse arrocho tem de acabar e só com os aposentados nas ruas é que vamos desengavetar os projetos que recompõem nossas perdas, acabam com o fator previdenciário e arrancam aumento real. Mais do que nunca é hora de mobilização e luta, não só dos aposentados, mas também dos trabalhadores da ativa", disse o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Vivaldo Moreira Araújo.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®