Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Direitos ameaçados 07/01/2019 | 16:01

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Bolsonaro estuda acabar com a Justiça do Trabalho

Possibilidade de unificação com Justiça comum está em análise

Em entrevista ao SBT, na quinta-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que o governo estuda a possibilidade de colocar um fim à Justiça do Trabalho. O presidente voltou a defender a redução das leis trabalhistas e disse que existe no país um “excesso de proteção”.

Bolsonaro afirmou que a proposta está sendo estudada pelo governo e pode ser levada adiante, se houver clima. Para o presidente, os processos relativos ao trabalho devem ser discutidos na justiça comum. Ele ainda defendeu a chamada sucumbência, em vigor desde a reforma trabalhista. Com a nova regra, o empregado que perder o processo deve pagar todas as despesas processuais.

Uma das justificativas defendidas para acabar com a Justiça do Trabalho é que esta modalidade só existiria no Brasil. Errado. Também existe em países como Alemanha, Reino Unido, França, Suécia e Austrália.

Ministério do Trabalho
Uma das primeiras medidas anunciadas por Bolsonaro, antes mesmo de assumir a Presidência, foi a extinção do Ministério do Trabalho. Agora, o presidente mostra que a ameaça aos direitos é ainda mais profunda. O fim da Justiça trabalhista, se realmente for concretizado, dificultará ainda mais o acesso dos trabalhadores a seus direitos.

Bolsonaro falou também que irá aprofundar a reforma trabalhista e que “o Brasil é o país dos direitos em excesso”.

“A possibilidade de se acabar com a justiça trabalhista é preocupante. No Brasil, é comum que empresas demitam sem pagar os direitos devidos. É o famoso ‘vá procurar seus direitos na justiça’. Se a proposta do governo for levada adiante, será mais um duro golpe para os trabalhadores”, afirma o diretor do Sindicato Carlos Alexandre da Silva, o Xandão.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®