Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Perseguição 11/01/2018 | 14:14

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

De forma arbitrária, Gerdau demite diretor sindical Guri

Vamos exigir a reintegração imediata do companheiro

O diretor do Sindicato Anderson Aparecido Pereira da Silva, o Guri, foi demitido de forma arbitrária na manhã dessa quarta-feira (10), em mais um ataque da Gerdau à organização dos trabalhadores.

Não existe justificativa para a dispensa. Além de autoritária, a medida é ilegal, visto que Guri possui estabilidade por ser dirigente sindical. Conhecida pelo histórico de repressão aos trabalhadores, Gerdau quer dificultar a atuação do Sindicato na fábrica.

Guri é funcionário da empresa há 11 anos e sempre esteve presente nas mobilizações em defesa dos direitos dos trabalhadores. Sua atuação fez com que a Gerdau o perseguisse em mais de uma oportunidade. Em 2014, a fábrica tentou demiti-lo para impedir que participasse da eleição de Cipa.

Guri assumiu a direção do Sindicato em 2015 e desde então participou das principais lutas da categoria em nossa região.

“Este é um grave ataque à liberdade sindical. Tomaremos todas as medidas cabíveis para garantir a reintegração do companheiro Guri. Neste ano, os patrões vão fazer de tudo para enfraquecer a organização dos trabalhadores, por isso é necessário que os metalúrgicos se mobilizem”, afirma o diretor do Sindicato Marco Antônio Ribeiro.

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2018 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®