Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Volta ao trabalho 31/10/2017 | 16:30

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Trabalhadores da GM retornam do layoff a partir da segunda-feira

Acordo assinado pelo Sindicato garante estabilidade no emprego até fevereiro de 2018

Metalúrgicos da General Motors que estavam em layoff desde 5 de junho retornarão ao trabalho a partir de segunda-feira (6). A montadora confirmou, nesta terça-feira, que não irá prorrogar o período de suspensão dos contratos, previsto para terminar na sexta-feira (4).

A volta aos postos de trabalho será gradual e os primeiros comunicados de retorno deverão ser entregues aos trabalhadores a partir desta quarta (1). Segundo a montadora, a estimativa é de 200 a 250 trabalhadores retornando já na segunda-feira.

Aqueles que não retornarem de imediato permanecerão em licença remunerada, recebendo salários e benefícios normalmente. Durante o layoff, os trabalhadores receberam o salário integral, sendo parte pago pela GM e parte por meio do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador).

O acordo do layoff assinado em junho pela GM e Sindicato prevê estabilidade no emprego para todos trabalhadores da planta. Isso significa que a GM não poderá demitir ninguém até fevereiro de 2018.

“O Sindicato sempre atuou com o objetivo de garantir o emprego dos trabalhadores. A confirmação do retorno à fábrica é uma vitória importante. Com a produção em alta, não há qualquer razão para demissões. O retorno demonstra que só a luta pode garantir nossos direitos”, afirma o presidente do Sindicato Antônio Ferreira de Barros, o Macapá.

Do início do layoff até este momento, cerca de 130 trabalhadores já haviam retornado antecipadamente à GM. Ao todo, 980 funcionários entraram em layoff em junho.

Estabilidade garantida
O retorno ocorre após uma Campanha Salarial em que os metalúrgicos conquistaram, além do reajuste, a renovação das cláusulas sociais. A garantia da cláusula 40 é especialmente importante, visto que prevê a estabilidade no emprego para portadores de doenças ocupacionais ou vítimas de acidentes de trabalho.

Grande parte dos metalúrgicos em layoff enquadra-se nessa categoria e, por isso, tem mais um motivo para comemorar a volta ao trabalho.

“Durante a Campanha Salarial batíamos na tecla da importância da renovação das cláusulas sociais. A GM se fez intransigente em toda negociação, mas no final atingimos nosso objetivo”, explica Macapá.

 

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®