Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Praça do Sapo, 10h 14/04/2016 | 11:37

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Participe do ato do “Fora todos eles”, neste sábado

Trabalhadores defendem convocação de eleições gerais com regras distintas das atuais

Às vésperas da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados, o Sindicato realiza mais uma manifestação em São José dos Campos para pedir: “Fora todos eles, eleições gerais, já!”.

O ato acontece neste sábado (16), às 10h, na Praça do Sapo, e também é convocado pelo Sindicato dos Químicos, Sindicato dos Trabalhadores dos Correios, Admap e PSTU. Todos os trabalhadores estão convidados a participar.

Com faixas, cartazes e os bonecões representando a presidente Dilma (PT) e vice Michel Temer (PMDB), vamos mostrar que o impeachment de nada adiantará para a classe trabalhadora e, por isso, defendemos que todos, da presidente aos deputados e senadores, deixem seus cargos e convoquem novas eleições gerais.

Trabalhadores de 16 fábricas da região já votaram em assembleias a adesão à campanha. Nesta quinta-feira (14), foi a vez dos metalúrgicos da Friulli e Gerdau.

Que tipo de eleição defendemos?
Os metalúrgicos não defendem qualquer eleição. Em primeiro lugar, os políticos envolvidos em casos de corrupção têm de ser proibidos de participar do pleito.

Também é preciso acabar com o financiamento privado das campanhas eleitorais. Hoje, empresários investem milhões nos candidatos para depois cobrarem a fatura, por meio de favorecimento em contratos públicos e tantos outros esquemas de corrupção.

Por fim, é preciso tempo igual de propaganda política no rádio e televisão para todos os partidos. A população tem o direito de conhecer as propostas de todos os candidatos antes de votar. No entanto, isso não é possível da forma como ocorre hoje, em que os grandes partidos ficam com a maior parte do tempo de TV, enquanto outros, geralmente de esquerda, ficam com apenas alguns segundos.

“Esse sistema eleitoral que existe hoje só alimenta a corrupção e a eleição de políticos que já estão no poder. Defendemos eleições limpas, sem dinheiro de empresários, sem corruptos e com democracia”, afirmou o diretor do Sindicato José Dantas Sobrinho.

Greve Geral
Em Brasília, o caminho arquitetado pelos políticos não é este. Até o momento, tudo caminha para que tudo mude, ficando como está. Isso porque se o impeachment for aprovado na Câmara e no Senado, assumem Michel Temer e Eduardo Cunha, ambos envolvidos em corrupção e que irão manter o ajuste fiscal que está prejudicando os trabalhadores.

“Por tudo isso, é muito importante que todos os trabalhadores se somem a esta campanha pelo ‘Fora todos”. Vamos à Praça do Sapo no sábado para marcar nossa posição contra o governo, mas também contra o PMDB, o PSDB e todos os outros partidos que fazem oposição de direita”, conclui Dantas.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®