Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Conselho de Representantes 26/04/2014 | 14:23

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Vamos fortalecer a organização nas fábricas para a Campanha de PLR

Na reunião deste sábado, conselheiros aprovaram intensificação da luta no local de trabalho

O Conselho de Representantes do Sindicato aprovou, neste sábado, dia 26, o fortalecimento da luta pela Campanha de PLR, com organização nas fábricas para exigir valores superiores aos do ano passado e fim das metas. Ao final da reunião, ficou claro que será preciso muita mobilização para enfrentar a resistência dos patrões e que o momento é de ir pra cima!

Cerca de 80 trabalhadores de 20 fábricas participaram do Conselho. Em todas as empresas, um ponto em comum: não existe crise para os patrões, só para os trabalhadores. Por isso, não vamos aceitar valores rebaixados. Mas o mais importante, não vamos permitir que as fábricas usem a PLR para aumentar ainda mais a exploração.

Para garantir uma campanha ainda mais forte, o conselho também aprovou a exigência de comissões de PLR com estabilidade, por fábrica. A estabilidade é essencial para que os integrantes das comissões possam negociar com tranquilidade, sem risco de repressão por parte da chefia.

Nas fábricas onde as negociações já começaram, os patrões mostraram que vão jogar duro, com propostas absurdas.

“Os patrões querem impor metas que acabam com a saúde do trabalhador. Ou seja, quem quiser receber uma PLR maior, tem de deixar o couro na máquina. Nós queremos exatamente o contrário: que se acabe com a imposição dessas metas absurdas e que o valor seja igual para todos”, disse a diretora do Sindicato Rosângela Calzavara.

Setor automotivo

Além dos pontos de PLR, o Conselho de Representantes também aprovou o início da campanha por estabilidade no emprego e redução da jornada no setor automotivo. As montadoras estão realizando demissões, suspensão de contratos e férias coletivas em todo o país, apesar dos benefícios já concedidos pelo governo federal. (clique aqui e leia mais sobre o assunto)

O membro da Secretaria Executiva Nacional da CSP-Conlutas, Atnágoras Lopes, apresentou dados surpreendentes sobre o setor automotivo. Somente no governo Dilma, as montadoras já foram beneficiadas com 16 pacotes de incentivos. Mas, definitivamente, essas empresas já provaram que não precisavam desse “empurrãozinho”. Nos últimos dez anos o setor enviou para o exterior nada menos do que R$ 15,4 bilhões em lucros.

O Conselho aprovou ainda o repúdio ao acordo da Campanha Salarial assinado entre a General Motors de Gravataí e a Força Sindical. O acordo vale por três longos anos. Isto significa que durante todo este período, não haverá campanha salarial naquela fábrica.

Desnacionalização do setor aero
Junto com a Campanha de PLR, o Sindicato vai dar continuidade à Campanha contra a Desnacionalização do Setor Aeronáutico. Vamos cobrar de todas as esferas do governo medidas que impeçam a Embraer de enviar para fora do Brasil parte da produção das aeronaves, como vem acontecendo nos últimos anos. O Sindicato já enviou carta à presidente Dilma e ao governador Geraldo Alckmin, mas ainda não obteve resposta.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2018 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®