Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Assembleia 17/01/2014 | 13:37

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Metalúrgicos da GM decidem dia 21 sobre proposta de acordo

Votação acontecerá na sede do Sindicato, em nova assembleia

Metalúrgicos da General Motors decidirão, na próxima terça-feira, dia 21, às 9h, se aceitam ou não a proposta do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região apresentada na audiência de conciliação ocorrida dia 14, em Campinas.

Em assembleia ocorrida nesta sexta-feira, dia 17, o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos apresentou a proposta do TRT e ouviu a opinião dos trabalhadores, que se mostraram dispostos a continuar na luta pelo emprego.

O resultado da votação de terça-feira será levado para uma nova audiência de conciliação, marcada para o dia 22, no TRT, às 14h30. A audiência é resultado da ação movida pelo Sindicato, que reivindica a suspensão de todas as demissões.

Além do caminho judicial, o Sindicato se mantém na luta para que o governo Dilma proíba as demissões, já que a montadora foi amplamente beneficiada por incentivos fiscais, como a redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Apesar do incentivo, a GM fechou 1.217 postos de trabalho no Brasil, nos últimos dois anos, descumprindo acordo com o governo para manutenção do nível de emprego.

A GM também descumpriu o acordo assinado em janeiro com o Sindicato, que previa abertura de negociação sobre o nível de emprego na fábrica em 2014.

Na assembleia desta sexta-feira, participaram trabalhadores demitidos de diferentes setores da fábrica, e não apenas do MVA (Montagem de Veículos Automotores), desativado pela montadora.

“Os trabalhadores que participaram desta assembleia mostraram que estão indignados não só com a postura da GM, mas também com a omissão do governo Dilma, que não fez nada para evitar as demissões. Por isso, aprovando-se ou não a proposta do TRT, nossa luta em defesa do emprego vai continuar”, afirmou o presidente do Sindicato Antonio Ferreira de Barros, o Macapá.

Estáveis devem procurar Sindicato
O Sindicato está orientando todos os trabalhadores lesionados ou em fase de pré-aposentadoria a trazerem documentos imediatamente ao nosso Departamento Jurídico para que seja comprovada a estabilidade, já que uma das propostas do TRT prevê a anulação da demissão dos estáveis.

Confira a  proposta do TRT:

- extensão dos benefícios do PDV (Programa de Demissão Voluntária) de setembro de 2013 a todos os trabalhadores demitidos no dia 31 de dezembro;
- anulação da demissão dos lesionados estáveis;
- assistência médica por quatro meses após a data do aviso prévio;
- preferência na recontratação;
- indenização aos trabalhadores em fase de pré-aposentadoria (que estiverem entre 18 e 24 meses da aposentadoria);
- discussão entre GM e Sindicato sobre o nível de emprego na planta de São José dos Campos.

Fotos: Lucas Lacaz

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®