Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Caso GM 03/01/2014 | 14:03

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Sindicato cobra governo estadual sobre demissões

Reivindicações foram feitas em reunião com o secretário estadual do Emprego e Relações de Trabalho, Tadeu Morais

Em reunião realizada na manhã desta sexta-feira, dia 3, com o secretário estadual do Emprego e Relações de Trabalho, Tadeu Morais, os representantes do Sindicato discutiram a demissão em massa realizada pela GM e cobraram uma posição do governo estadual contra a atitude da montadora.

O Sindicato também pediu que o governo ajude a cobrar da direção da GM os investimentos de R$2,5 bilhões na planta de São José dos Campos. Em junho, foi assinado um acordo para que a montadora trouxesse investimentos da ordem de R$ 2,5 bilhões, o que geraria 2.500 empregos diretos, no entanto, até o momento não houve qualquer anúncio oficial que garanta os investimentos.

Outra reivindicação do Sindicato foi a realização de uma reunião com o governador Geraldo Alckmin para tratar do tema, já que o governo também concedeu incentivos fiscais para a montadora. O secretário afirmou que vai levar as reivindicações ao governador e verificar a possibilidade de uma reunião para discutir as demissões e a possível intervenção do governo estadual.

“O Sindicato vai continuar cobrando que o poder público, nas esferas municipal, estadual e federal, intervenha à favor dos trabalhadores e de seus empregos. Com tantos incentivos concedidos para a montadora, não vamos aceitar que ela continue fechando postos de trabalho”, afirmou o presidente do Sindicato Antônio Ferreira de Barros, o Macapá.

Outras medidas
Na próxima segunda-feira, dia 6, uma reunião entre os representantes do Sindicato e o ministro do Trabalho, Manoel Dias, acontecerá em Brasília. Nessa reunião o Sindicato pretende cobrar a suspensão das demissões e a garantia de estabilidade para os trabalhadores da planta.

Os representantes do Sindicato vão ainda à Secretaria Geral da Presidência onde tentarão ser recebidos pela presidente Dilma Rousseff (PT) para cobrar sua intervenção direta no caso. Um pedido de reunião foi protocolado na última semana, mas ainda não houve resposta.

Uma nova assembleia com os trabalhadores demitidos está marcada para a próxima quarta-feira, dia 8, às 10h na sede do Sindicato.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®