Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

PLR 2011 27/05/2011 | 11:16

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Schrader e Eaton em estado de greve. Na Zona Sul: insatisfação

Metalúrgicos estão mobilizados em diversas fábricas da região

Os trabalhadores da Schrader, em Jacareí, e da Eaton, em São José dos Campos, estão em estado de greve contra a intransigência dos patrões na campanha por pagamento de PLR.

Na Schrader, os metalúrgicos entraram em estado de greve nesta sexta-feira, dia 27. A mobilização é resposta da categoria contra a recusa da empresa em abrir negociações. Em assembléia, os metalúrgicos também aprovaram a pauta de reivindicações.

O Sindicato protocolou pedido de negociação há mais de 20 dias, mas até agora a empresa não deu qualquer resposta. Os trabalhadores reivindicam R$ 3 mil de PLR, sem metas.

“A produção está bombando na Schrader. A própria empresa já disse, em reuniões com os trabalhadores, que o faturamento já superou as metas previstas. Agora é hora de repartir o bolo e vamos exigir nossa parte”, afirma o diretor do Sindicato José Mendonça.

Na Eaton, as negociações já vêm se arrastando há semanas, mas a proposta patronal continua abaixo do esperado pelos trabalhadores. A empresa propõe R$ 3.010, enquanto os metalúrgicos reivindicam R$ 4.500.

Assecre
Com a Assecre (Associação de Empresários das Chácaras Reunidas), as reuniões começaram com a maior choradeira dos patrões. Na primeira rodada de negociação para discutir metas e valores, ocorrida nesta quinta, dia 26, os empresários apresentaram propostas rebaixadas, que estão sendo rejeitadas na mesa de negociação.

Em algumas fábricas, as assembléias já começaram com grande insatisfação dos trabalhadores diante das propostas patronais. Foi o que aconteceu na Swissbras, Winnstal, Techal, MS Ambrogio e GL.

Prolind nem sequer apresentou valores e a discussão sobre metas foi péssima.

“O discurso dos empresários está se arrastando, com tentativas de nos empurrar metas abusivas e valores rebaixados. Se não houver mudança na postura dos empresários, os trabalhadores vão intensificar as mobilizações”, comentou o diretor do Sindicato Ademir Tavares da Paixão.

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®