Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Imprensa / Últimas Notícias

Caravana a Brasília 25/09/2012 | 20:08

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • RSS
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Metalúrgicos da GM entregam pauta ao governo Dilma

Trabalhadores querem que a presidente edite medida provisória para proibir demissões

A delegação de trabalhadores da General Motors, de São José dos Campos, que chegou a Brasília nesta terça-feira, dia 25, entregou à Secretaria-Geral da Presidência da República uma pauta de reivindicações em favor da manutenção dos empregos na montadora.

O documento deverá ser encaminhado à presidente Dilma Rousseff, que, nesta terça-feira, esteve em Nova Iorque, na abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas.

Os trabalhadores e dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos foram recebidos pelo assessor especial da Secretaria-Geral, Delcimar Pires Martins.

A delegação, encabeçada pelo presidente do Sindicato, Antônio Ferreira de Barros, também contou com a participação do membro da Executiva Nacional da CSP-Conlutas José Maria de Almeida e do sindicalista norte-americano Dean Parm, do UAW (International Union, United Automobile, Aerospace and Agricultural Implement Workers of America) do estado de Michigan.

Na pauta entregue ao governo, os metalúrgicos reivindicam, entre outros pontos, a proibição das demissões por empresas que estão importando produtos para vender no Brasil, como é o caso da GM.

No final da tarde, os operários ainda foram recebidos no gabinete do Ministério do Trabalho.

Caravana
Os metalúrgicos foram a Brasília em caravana organizada pelo Sindicato, como parte das atividades da Campanha SOS Empregos na GM, em defesa dos postos de trabalho.

Dois ônibus, com 86 trabalhadores ao todo, saíram de São José dos Campos nesta segunda-feira, dia 24.

Na chegada à capital federal, após 20 horas de viagem, os metalúrgicos desceram em frente à Catedral Metropolitana de Brasília, na Esplanada dos Ministérios, e se dirigiram, em passeata, à Embaixada dos Estados Unidos. O trajeto foi percorrido em cerca de meia hora.

No local, o Sindicato protocolou uma carta endereçada ao governo dos Estados Unidos, principal acionista da GM. O documento pede uma intervenção no sentido de se preservar empregos no Brasil e na Colômbia (onde um grupo, filiado à Asotrecol, formado por metalúrgicos com doenças ocupacionais, luta, há mais de um ano, pela sua reintegração à fábrica, após terem sido demitidos arbitrariamente).

Em São José dos Campos, 925 trabalhadores estão, atualmente, em layoff (com os contratos de trabalho suspensos) e correm o risco de, junto com outros 915, serem demitidos a partir de 30 de novembro.

A próxima atividade da Campanha SOS Empregos acontecerá nesta sexta-feira, dia 28, a partir das 10h, com uma passeata que deve percorrer as ruas do centro de São José dos Campos.

(informações e fotos direto de Brasília: Manuela Moraes)

Conteúdo Relacionado

Veja mais Notícias



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®