Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 999 | De 31 de Julho a 06 de Agosto de 2012

Expediente

Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Edição: Ana Cristina Silva - Redação: Douglas Dias, Rodrigo Correia e Shirley Rodrigues. Editoração Eletrônica: Bruno César Galvão Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

Pela manutenção dos empregos

Pressionados pelos trabalhadores, governos se posicionam contra demissões na GM

A luta dos trabalhadores está pressionando os governos a se posicionarem contra a ameaça de demissões na GM.

A própria presidente Dilma Rousseff já afirmou, para a imprensa, que está disposta a acabar com a redução de IPI, caso as montadoras sigam com planos de demissão.

“Nós damos incentivos fiscais e financeiros e queremos um retorno para o País inteiro, que é a manutenção do emprego”, disse a presidente na semana passada, em Londres.

O ministro interino da Fazenda, Nelson Barbosa, afirmou que o governo só vai prorrogar a redução do IPI, que terminaria dia 31 de agosto, se não houver demissões.

Uma reunião entre o Ministério da Fazenda e a GM está marcada para esta terça-feira, dia 31, em Brasília.

O secretário estadual de Relações do Trabalho, Carlos Andreu Ortiz, também falou contra as demissões e disse que vai envolver o governador Geraldo Alckmin nas discussões.

O secretário esteve na sede do Sindicato, dia 28.

Apenas o prefeito Eduardo Cury continua sem se mexer. Até agora, ele não tomou qualquer atitude para pressionar a GM.

Resposta à nossa luta
O pronunciamento da presidente Dilma é resultado da reunião entre Sindicato e o ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, ocorrida dia 17.

Na ocasião, o Sindicato cobrou do governo federal medidas que garantissem a manutenção de postos de trabalho na GM.

Em resposta ao Sindicato, o ministro se comprometeu a levar o assunto das demissões para a presidente.

“Não há dúvidas de que os governos só começaram a se posicionar em razão da pressão dos trabalhadores.Entretanto, mais do que tomar uma posição, os governos têm de tomar medidas concretas pela manutenção dos empregos e para isso nossa luta também será fundamental”, afirma o presidente do Sindicato, Antonio Ferreira de Barros, o Macapá.

Em um ano, mais de mil cortes
A GM fechou 1.189 postos de trabalho no Brasil, entre julho de 2011 e junho 2012. Somente em São José, foram 1.044 postos a menos.

“O governo não pode aceitar os argumentos de que a GM não está demitindo. As demissões estão acontecendo há um ano, apesar de todo incentivo fiscal. O governo tem de impedir que as demissões continuem”, afirma Macapá.


Tem nova reunião dia 4. Mobilização tem de continuar
Depois de três horas de negociação com o Sindicato, a GM se comprometeu a não tomar qualquer medida até o próximo sábado, dia 4.

No encontro, ocorrido dia 25, a GM anunciou que os veículos Corsa, Meriva e Zafira já deixaram de ser produzidos em São José. O anúncio da GM confirma as afirmações do Sindicato, de que a montadora pretende fechar o MVA e demitir até 2 mil trabalhadores.

Com a iminência das demissões, é necessário que os metalúrgicos intensifiquem a luta contra os ataques da GM. A hora é de ir pra cima e exigir a manutenção de postos de trabalho na cidade.

“Saímos da reunião com a certeza de que a situação é grave. Por isso, os trabalhadores têm de se manter mobilizados contra as demissões. Vamos continuar pressionando governo e montadora para garantir todos os empregos”, afirma o secretário-geral do Sindicato, Luiz Carlos Prates, o Mancha.

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®