Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 997 | De 17 a 23 de Julho de 2012

Expediente

 Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Edição: Ana Cristina Silva - Redação: Douglas Dias, Manuela Moraes e Shirley Rodrigues. Editoração Eletrônica: Bruno César Galvão Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

SOS EMPREGO

Metalúrgicos param 24 horas e exigem manutenção dos empregos na GM

Os metalúrgicos da GM deram o recado para a montadora e para o governo federal, nesta segunda-feira, dia 16.
Com uma greve de 24 horas, os trabalhadores deixaram claro que irão se manter na luta pela manutenção dos postos de trabalho e que não vão aceitar demissão em massa.
Em menos de uma semana, os trabalhadores da GM realizaram duas mobilizações pela Campanha em Defesa dos Empregos.
Na quinta-feira, dia 12, os trabalhadores atrasaram o início da produção em duas horas.
As mobilizações são uma resposta à GM, que não deu outra alternativa à categoria.
“Há meses o Sindicato vêm apresentando propostas viáveis que evitariam essas demissões, mas a empresa não quis nos atender. Nós não vamos desistir de lutar, até que todos os trabalhadores da GM estejam com seus empregos garantidos”, afirma o presidente Antônio Ferreira de Barros, o Macapá.


Cortes podem atingir 2 mil
A princípio, o Sindicato estimava que o fechamento do MVA resultaria em 1.500 demissões. Hoje, essa estimativa já chega a 2 mil, já que os cortes que a empresa pretende fazer poderá atingir outros setores.

Reunião e ato em Brasília

Uma comissão do Sindicato estará nesta terça-feira, dia 17, em Brasília, para discutir sobre a GM com o ministro da Secretaria Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. Também vamos participar de uma manifestação, no dia 18, em frente ao Palácio do Planalto.
O Sindicato e os trabalhadores reivindicam que o Governo Federal intervenha em favor da manutenção dos postos de trabalho na GM, empresa que tem sido generosamente beneficiada com isenções fiscais e redução do IPI.
Participarão da reunião, pelo Sindicato, o presidente Antônio Ferreira de Barros, o secretário geral Luiz Carlos Prates, o coordenador nacional da CSP-Conlutas, José Maria de Almeida, o deputado federal Carlinhos Almeida (PT) e o presidente do Diretório Municipal do PSTU, Toninho Ferreira. Semana passada, o Sindicato esteve com o secretário de Relações do Trabalho, Manoel Messias Nascimento Melo, para discutir sobre a situação dos trabalhadores.
Duas reuniões entre GM e Sindicato já estão agendadas para os dias 23 e 28 de julho, quando deve ser anunciada a decisão da montadora.

Campanha nas ruas pede envolvimento popular

Para envolver toda a sociedade na discussão sobre a situação na GM, o Sindicato está divulgando a Campanha em Defesa dos Empregos em diversos veículos de comunicação, incluindo TV, rádio, outdoors e carta aberta à população. Esta luta é de todos!
 

 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®