Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 963 | De 20 a 26 de Setembro de 2011

Expediente

Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Edição: Ana Cristina Silva - Redação: Douglas Dias, Eliane Mendonça e Shirley Rodrigues. Editoração Eletrônica: Bruno César Galvão Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

Copa 2014

Maracanã e Mineirão em greve a mil dias da Copa

Na última sexta-feira, dia 16, foi realizada em Belo Horizonte uma festa para iniciar a contagem regressiva de mil dias para o início da Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

Mas, longe de uma comemoração, a presidente Dilma Rousseff (PT) teve de enfrentar uma greve dos trabalhadores que realizam as obras de reforma do Mineirão.

A greve já é a segunda desde o início das obras e começou no último dia 15, véspera da visita da presidente ao canteiro de obras.

Cerca de 1.100 trabalhadores participam da obra e reivindicam aumento dos salários para R$ 1.100, reajuste no vale-refeição de R$ 60 para R$ 160 e melhorias nas condições de trabalho.

Os trabalhadores se somam aos funcionários das obras do Maracanã, no Rio de Janeiro, que fizeram uma greve por 19 dias.

Em agosto, os trabalhadores do Maracanã já haviam realizado uma paralisação que durou 5 dias.

A luta destes trabalhadores é mais do que justa, pois enfrentam as precárias condições de trabalho impostas pelas construtoras, a exemplo do que vem ocorrendo nas obras do PAC.

Enquanto isso, as empresas que vão construir e reformar os estádios estão tranquilas, pois boa parte dos recursos necessários virá do governo, através do BNDES.

Além disso, o governo Dilma continua usando o discurso em prol da Copa para tentar implementar um regime de exceção nas licitações, ou seja, de dispensa de licitações, que vai ser um prato cheio para os desvios de verbas e mais corrupção.

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®