Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1221 | De 07 a 16 de Fevereiro de 2018

Expediente

Expediente: Órgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá - Rua Maurício Diamante, 65, São José dos Campos - CEP 12.209-570. Telefone (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br. Responsabilidade: Diretoria do Sindicato. Edição: Shirley Rodrigues. Redação: Lucas Martins, Manuela Moraes e Shirley Rodrigues. Editoração eletrônica: Bruno César Galvão. Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: Unisind. Tel.: (11) 99907-9771

 

Reestatização, já!

Boeing quer 90% do controle da aviação comercial da Embraer

A Boeing já está abrindo o jogo. Em proposta apresentada semana passada ao governo, a fabricante de aviões norte-americana afirmou que quer controlar entre 80% e 90% da empresa a ser criada para receber a área de aviação comercial da Embraer.

As informações foram divulgadas nessa terça-feira (6), pelo jornal Valor Econômico.

Para a Embraer, restaria apenas o setor de Defesa, que representa 16,6% da sua receita.

Se for concluída, a transação não trará nada de positivo para o Brasil.

A proposta inviabiliza a própria existência do setor de Defesa da Embraer e pode reduzir os segmentos da aviação comercial e executiva a um mero departamento da Boeing.

Ainda segundo o jornal Valor, os americanos consideram imprescindível ter o controle da empresa de aviação comercial que será criada, reportando-se diretamente a Chicago, sede da Boeing.

Resumindo: ao ser comprada, a Embraer atenderá somente à ordem e aos interesses dos americanos.

“A Boeing é uma gigante que irá engolir a Embraer no momento em que a negociação for concluída. É preciso barrar esse processo, em defesa do emprego e da soberania nacional”, afirma o vice-presidente do Sindicato, Herbert Claros.

Contra aumento do convênio médico, o caminho é a mobilização
Mais uma vez, a Embraer quer retirar direitos dos trabalhadores. Semana passada, a Justiça deu decisão favorável à empresa, no processo referente ao aumento na cobrança do convênio médico.

Todos os trabalhadores da Embraer se lembram bem do abuso cometido em 2014. Na época, a empresa tentou aumentar de forma abusiva o convênio.

O Sindicato entrou na Justiça e conseguiu uma liminar para barrar o aumento. Agora, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT), de Campinas, deu ganho à Embraer.

O Sindicato vai usar todos os meios na Justiça para impedir esse abuso. Porém, se a empresa insistir, o caminho será o da mobilização.

 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2018 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®