Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1189 | De 03 a 14 de Março de 2017

Expediente

Órgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá - Rua Maurício Diamante, 65, São José dos Campos - CEP 12.209-570. Telefone (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br. Responsabilidade: Diretoria do Sindicato. Edição: Shirley Rodrigues. Redação: Douglas Dias, Lucas Martins e Manuela Moraes. Editoração eletrônica: Bruno César Galvão. Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: Unisind. Tel.: (11) 99907-9771

Dia Internacional da Mulher

Exigimos Delegacia da Mulher 24h

Imagine a dor de ser agredida e viver com medo, sem contar com proteção por parte do estado. É o que acontece com muitas mulheres vítimas de violência doméstica em nossa região e no mundo.

São José dos Campos, por exemplo, conta apenas com uma Delegacia da Mulher, localizada no Jardim Aquarius, área nobre da cidade. Já os bairros da periferia não têm qualquer estrutura de proteção às vítimas de violência doméstica.

Outro problema grave: o posto só atende em horário comercial e fecha nos finais de semana, o que dificulta a denúncia.

Casa abrigo
O atendimento nas chamadas Casas abrigo, previstas em lei, também está longe do mínimo necessário. Das 39 cidades do Vale, apenas São José possui o espaço dedicado a abrigar mulheres vítimas de violência. Mesmo assim, o número é bastante limitado: apenas três vítimas por vez.

“Essa precariedade alimenta a impunidade da violência machista. Neste 8 de março, vamos pra rua exigir mais Delegacias de Mulher, com atendimento 24 horas e mais Casas abrigo para fazer valer a Lei Maria da Penha”, afirma a diretora do Sindicato Marina Leite de Arantes.


Libertação de ex-goleiro Bruno é afronta

A libertação do ex-goleiro Bruno às vésperas do 8 de março é uma afronta às mulheres.

Condenado a 22 anos de prisão por matar a ex-namorada Eliza Samudio, Bruno passou apenas sete anos na cadeia.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio de Mello entendeu que o ex-goleiro passou muito tempo na cadeia e poderá aguardar em liberdade o julgamento em segunda instância. Repudiamos esta decisão!
 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®