Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1121 | De 17 a 23 de Junho de 2015

Expediente

Órgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá - Rua Maurício Diamante, 65, São José dos Campos - CEP 12.209-570. Telefone (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br. Responsabilidade: Diretoria do Sindicato. Edição: Rodrigo Correia. Redação: Manuela Moraes, Shirley Rodrigues e Tânia Campelo. Editoração eletrônica: Bruno César Galvão. Ilustração: Bruno César Galvao. Fotolito e Impressão: Jornal Diário da Região Ltda. CNPJ: 07.351.093/0001-48 - Fone: (12) 3966-1212.

Mais dinheiro aos empresários

Com privatizações, Dilma avança em ataques aos trabalhadores

Em meio à alta da inflação, retirada de direitos e corte nos investimento sociais, o governo Dilma anunciou na última semana seu mais novo ataque aos trabalhadores. Trata-se de um pacote bilionário de privatização de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos que representa um verdadeiro presente aos empresários.

Estimado em R$ 198 bilhões, este pacotão de obras terá 70% dos custos bancados pelo governo via BNDES, com parcelas a perder de vista e juros bem baixos.

Funciona assim: o governo financia a construção da infraestrurura e depois concede a empresas privadas, que cobram altas taxas da população. Todo mundo que paga pedágio sabe o assalto que é.

Em resumo, é dinheiro público sendo usado para garantir o lucro dos empresários.

Marolinha virou onda
A presidente Dilma chegou a reconhecer que a “marolinha”, vista por Lula em 2008, cresceu e virou uma onda.

“O problema é que com o ajuste fiscal do governo essa onda já virou tsunami para os trabalhadores, enquanto os empresários continuam na bonança”, avalia o diretor do Sindicato José Dantas Sobrinho.


Governo quer dificultar ainda mais o acesso à aposentadoria

A presidente Dilma deve sancionar na quarta-feria, dia 17, as medidas provisórias 664 e 665 e, de quebra, ainda deve apresentar uma nova regra para dificultar ainda mais o acesso à aposentadoria.

A intenção do governo é impor uma idade mínima para aposentadoria por tempo de contribuição.

Atualmente, o perverso Fator Previdenciário reduz as aposentadorias em até 40%, mas não impede o acesso ao benefício.

Dilma também manifestou a intenção de piorar ainda mais a fórmula 85/95, que permite a aposentadoria integral quando a soma da idade e do tempo de contribuição atingir 85 anos para mulheres e 95 para homens.

“Exigimos que Dilma vete integralmente as MPs e acabe com qualquer restrição ao direito à aposentadoria”, completa Dantas.
 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®