Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1075 | De 12 a 19 de Maio de 2014

Expediente

Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Colaboração: Conselho Editorial - Edição: Rodrigo Correia - Redação: Ana Manuella Soares e Manuela Moraes. Editoração e Ilustração: Bruno Galvão - Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

Participação nos Lucros

Esquenta a mobilização por PLR contra a choradeira dos patrões

A campanha por PLR maior e sem metas está esquentando nas regiões, com a realização de assembleias e rodadas de negociação.

Contra a tradicional choradeira dos patrões, os metalúrgicos já estão iniciando a mobilização, com atraso na entrada dos turnos e parada na produção.

No dia 7, os trabalhadores da Hitachi fizeram uma paralisação de duas horas para forçar a fábrica a reabrir as negociações.

Na GM, a primeira negociação foi remarcada para segunda-feira, dia 12. Lá os metalúrgicos já votaram que não vão aceitar proposta rebaixada.

Setor eletro
No setor eletroeletrônico, uma rodada de assembleias, na semana passada, definiu que a luta será conjunta entre as trabalhadoras da Blue Tech, Sun Tech, 3C e Sigma.

Na Sigma, na Zona Leste, os trabalhadores rejeitaram a proposta de PLR de meio salário e aprovaram estado de mobilização.

“A campanha de PLR ganha mais força a cada assembleia. Na porta das fábricas, o recado dos trabalhadores é claro: nada de PLR rebaixada e imposição metas”, afirma o diretor do Sindicato Emerson de Lima, o Binho.


Confira como está a campanha de PLR por região

Zona Leste
TI Automotive: empresa não avançou na proposta e insiste em metas abusivas. Os trabalhadores vão à luta.

Sun Tech: primeira negociação no dia 15.

Setor aeronáutico
Alestis: após os metalúrgicos decretarem estado de greve, a empresa marcou negociação para o dia 14.

Aernnova:
de forma intransigente, suspendeu as negociações e está pressionando os trabalhadores a aceitarem proposta rebaixada de R$ 2.150 com metas abusivas. Os metalúrgicos querem R$ 3.500.

Zona Sul
Assembleias já aconteceram na Techal, Forming Tubing, Delbras, Haldex, RFCom, Enifer, Chuman e Melbo. As negociações com a Assecre devem ocorrer apenas depois do dia 14.

Caçapava
MWL: em assembleia, no dia 9, os trabalhadores rejeitaram a proposta de PLR de R$ 5 mil e reafirmaram que não aceitam metas.

Jacareí
Rexan: empresa insiste em manter a mesma proposta do ano passado. Assembleias serão realizadas nos dias 19 e 20.

Frioar: PLR aprovada pelos trabalhadores no dia 9.
 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®