Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1072 | De 15 a 25 de Abril de 2014

Expediente

Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Colaboração: Conselho Editorial - Edição: Rodrigo Correia - Redação: Ana Manuella Soares, Douglas Dias, Manuela Moraes e Shirley Rodrigues. Editoração e Ilustração: Bruno Galvão - Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

Repressão

GM suspende cipeiros e dirigente sindical

A GM deu mais uma mostra de seu total descaso com a saúde, a segurança e o direito à organização dos trabalhadores na fábrica.

Após dois acidentes ocorridos na S10, no dia 7, a empresa suspendeu por três dias os cipeiros Fera e Serrat e o diretor do Sindicato Roberto Rosa de Oliveira, o Baiano.

A suspensão foi uma retaliação aos ativistas. Logo após os acidentes, a linha foi parada por meia hora para que fossem investigadas a causa e a circunstância dos fatos. Essa medida é fundamental para evitar que outros acidentes aconteçam.

O primeiro acidente aconteceu na Qualidade da S10. Um degrau instalado em lugar inadequado fez com que uma trabalhadora tropeçasse, caísse e sofresse sérios ferimentos no joelho e braço.

Também na S10, na linha do Ajuste, um capô caiu na cabeça de um operário, que teve ferimentos e recebeu cinco pontos.

Para os ativistas, não resta a menor dúvida de que os acidentes foram provocados pelo ritmo acelerado de produção e espaço reduzido para montagem.

“Como sempre, a GM privilegia o lucro enquanto a saúde e segurança dos trabalhadores ficam em segundo plano. Não podemos aceitar esse absurdo. A suspensão dos cipeiros e diretor sindical foi uma afronta à organização dos trabalhadores e precisa ser anulada”, afirma Baiano.

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®