Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região

Voltar para Página Inicial

Jornal do Metalúrgico

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
  • Imprimir
  • Enviar por e-mail

Versão em PDF

Edição 1048 | De 25 a 30 de Setembro de 2013

Expediente

Orgão informativo do Sindicato dos Metalúrgicos de S. J. Campos, Caçapava, Jacareí, Santa Branca e Igaratá • Rua Maurício Diamante, 65 - 12209-570- (12) 3946.5333 - Fax: 3922.4775 - site: www.sindmetalsjc.org.br - e-mail: comunicacao@sindmetalsjc.org.br - São José dos Campos - SP - Responsabilidade: Diretoria do Sindicato - Colaboração: Conselho Editorial - Edição: Rodrigo Correia - Redação: Douglas Dias, Manuela Moraes e Shirley Rodrigues. Editoração e Ilustração: Bruno Galvão - Fotolito e Impressão: UniSind Gráfica Ltda (11) 3271-1137

Privatização, não!

Mobilização será decisiva para barrar leilão de petróleo do Pré-Sal

A data para a entrega de um dos maiores patrimônios do país já está marcada: 21 de outubro. Nesse dia ocorre a 12ª rodada de licitações para exploração de petróleo.

Pela primeira vez, está previsto o leilão de uma área do Pré-Sal, o chamado “campo de Libra”. Localizada na bacia de Santos, a área sozinha pode ter uma reserva de até 15 bilhões de barris de petróleo, que serão entregues às petrolíferas estrangeiras.

Para barrar a maior entrega de petróleo da história do país será preciso muita mobilização.

Centrais sindicais, como a CSP-Conlutas, e outras entidades constroem uma frente para barrar o leilão. Na última sexta-feira, dia 20, uma plenária reuniu vários representantes dos movimentos sindicais e sociais que participam da campanha.

As entidades reforçaram a necessidade de mobilização e definiram um calendário de lutas para barrar a privatização dessas reservas.

O calendário prevê atos em todo o país no dia 3 de outubro, data em que se comemoram os 60 anos da Petrobras, marchas no dia 17 de outubro e outras iniciativas.

O ponto alto da campanha será uma grande manifestação na data e local previstos para o leilão ocorrer.

“O governo Dilma quer entregar nossas riquezas aos gringos e isso não podemos permitir. Precisamos protestar contra essa privatização do Pré-Sal”, afirmou o diretor do Sindicato Renato Junio de Almeida.


Por que dizer NÃO ao leilão dos campos de Libra
O campo de Libra tem capacidade de até 15 bilhões de barris de petróleo, que representam cerca de R$ 3 trilhões. Apesar disso, o governo Dilma espera arrecadar apenas R$ 15 bilhões com o leilão.

Os leilões representam a privatização do petróleo nacional e sua entrega às grandes multinacionais. Em vez de acabar com os leilões, Lula os manteve e ampliou: foram 484 blocos leiloados durante o governo FHC, contra 706 durante o governo Lula. Veja só: se o leilão de Libra ocorrer, Dilma terá licitado 590 blocos de petróleo somente em 2013.

Com a privatização do petróleo, o governo também aprofunda a privatização da própria Petrobras. Neste processo, a situação dos trabalhadores da empresa piorou muito. Atualmente a empresa possui apenas 70 mil trabalhadores efetivos, contra mais de 360 mil terceirizados.

 

Busca por palavras

Busque o jornal por edição

Veja todas as edições



Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Jacareí, Caçapava, Santa Branca e Igaratá
Sede: Rua Coronel Moraes, 143, Jardim Matarazzo, São José dos Campos - SP | Telefone: (12) 3946.5333 | Fax: (12) 3922.4775.
© 2019 Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região - Todos os direitos reservados | Desenvolvimento Web: ClickNow®